Área de Associados

Tomada de Posse dos Órgãos Sociais Triénio 2019-2021

No passado dia 26 de Março, a ANFAJE – Associação Nacional dos Fabricantes de Janelas Eficientes reuniu-se em mais uma Assembleia Geral para a eleição dos seus Órgãos Sociais para o triénio 2019-2021.

Assim, e nesse mesmo dia, a ANFAJE realizou a tomada de posse dos Órgãos Sociais, com a continuação de grande parte dos seus membros, nomeadamente presidentes da Direcção (João Ferreira Gomes, em representação da empresa CAIXIAVE), da Assembleia Geral (José Paulo Braz Mendes, em representação da empresa CRUZFER) e do Conselho Fiscal (João Patinha, em representação da empresa CIDADE PVC). Dos Órgãos Sociais da ANFAJE fazem ainda parte: Vasco Ferreira, em representação da empresa EUROCAIXILHO e Vice-presidente da Assembleia Geral;  Miguel Calado, em representação da empresa REHAU e Secretário da Assembleia Geral; Sérgio Silva, em representação da empresa A CATEDRAL e 1º Secretário da Direcção; Frederico Monteiro, em representação da empresa MONTEIROS e 2º Secretário da Direcção; Nuno Ribeiro, em representação da empresa SOUDAL e Tesoureiro da Direcção; José Carlos Fonseca, em representação da empresa CAIXILOUR e Relator do Conselho Fiscal; e João Silvestre, da empresa SILVESTRE & SOUSA e Secretário do Conselho Fiscal.

De acordo com o compromisso eleitoral da lista única, João Ferreira Gomes, que preside a associação desde a sua criação, em 2010, pretende continuar o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido com o lema «Mais Janelas Eficientes para Portugal».

De acordo com o João Ferreira Gomes, “O trabalho desenvolvido pela ANFAJE até à data permitiu ao Sector das Janelas, Portas e Fachadas ter uma voz mais activa, ter mais prestígio e ser mais qualificado e mais forte. Agora, e com uma equipa com redobrada energia, a ANFAJE continuará a desempenhar um papel bastante activo e interveniente no desenvolvimento do sector das janelas, portas e fachadas, em Portugal”.

No projecto para o próximo triénio mantêm-se também os três objectivos principais que estiveram na génese da constituição da ANFAJE:

1.     O desenvolvimento do mercado das Janelas Eficientes em Portugal, contribuindo para um aumento do conforto térmico e acústico e para uma maior eficiência energética dos edifícios;

2.         A promoção da Qualidade e da inovação tecnológica, nomeadamente um aumento dos níveis de qualificação dos recursos humanos do Sector da Caixilharia;

3.         O reforço da internacionalização das empresas do sector.